Projetos que relacionam ciências na redução de riscos de desastres

28/09/2020 15:14:23

Tags:


Créditos:

Envolver as comunidades escolares na redução de riscos de desastres com base no ensino de ciências, a tecnologia e a inovação é o desafio cotidiano enfrentado pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais. Para fortalecer uma política de interação com a sociedade, neste ano iniciam três projetos que contam com o apoio do  do Ministério da Ciência Tecnologia Inovações e Comunicações - MCTIC por meio do edital/2019 do Programa Ciência na Escola.

Este esforço acontece no contexto de adaptação às mudanças climáticas contemplando estratégias de educação, comunicação e mobilização para gestão de risco e redução de vulnerabilidades a desastres. Os projetos tem a finalidade de construir pontes para reduzir as barreiras existentes entre a ciência, os conhecimentos tradicionais e as experiências locais .

Os três projetos aprovados, que terão 2 anos de duração cada (período de 2020 – 2021), foram concebidos em conjunto com a equipe do Programa Cemaden Educação. Todos pretendem testar sistemas de monitoramento e alertas de desastres que leve em conta esforços com foco na educação, o que demanda priorização da construção do conhecimento voltado para a redução de vulnerabilidades e prevenção de desastres. 

O projeto “Ciência Cidadã na Escola”, sob a coordenação da Dra Rachel Trajber, promove o aprofundamento das pesquisas em tecnologias de inovação para educação e comunicação em ERRD desenvolvidas junto com as escolas do Programa Cemaden Educação (educacao.cemaden.gov.br). Os recursos permitirão manter e expandir as ações de formação de agentes multiplicadores; além de dar continuidade à Campanha #AprenderParaPrevenir. 

Já o projeto “Tecnologias educacionais inovadoras para abordagem interdisciplinar na redução de risco de desastres socioambientais”, sob a coordenação Dra Silvia Midori Saito, conta com a parceria da Universidade do Vale do Paraíba (UNIVAP), e da Escola Estadual Diácomo Hamiltons Bontorim de Souza (D.E. São José dos Campos/ SEE-SP). A escolha da escola deu-se por atender estudantes residentes em áreas expostas a multi-riscos e por possuir um pluviômetro, da rede observacional do Cemaden.

Por meio de soluções inovadoras se pretende desenvolver materiais paradidáticos em ERRD como um jogo RPG (Role Playing Game) e uma maquete interativa em formato de caixa de areia. Esses materiais se propõem a contribuir de forma lúdica (conceito de edutainment)  para a formação do público jovem com foco no monitoramento integrado e participativo de riscos de escorregamento de terra, inundações e incêndios.

O projeto “Prevenção de deslizamentos se aprende na escola: ciência cidadã em redução de riscos de desastres”, sob a coordenação do Dr. Marcio de Andrade, conta com apoio da UNIFESP, Defesas Civis Municipais de Santos e Cubatão, Diretoria de Ensino de Santos SEE-SP e atua em duas escolas situadas em áreas vulneráveis a movimento de massa, a Escola Estadual Prof.  Maria Helena Duarte Caetano, de Cubatão, e a Escola Estadual Dep. Emílio Justo, Santos-SP. Ambas escolas possuem Plataforma de Coleta de Dados Geotécnicos (PCD Geotécnica) instaladas pelo Cemaden.

O projeto visa desenvolver  um sistema de monitoramento, alerta e ação comunitária de base escolar para a prevenção ao risco de deslizamentos de terra. O sistema será criado a partir da integração entre instituições de ciência e tecnologia e da comunidade, e com apoio de ferramentas digitais. Pretende-se produzir de forma participativa uma sequência de atividades científico-pedagógicas sobre redução de riscos de desastres envolvendo diversas áreas do conhecimento (ciências exatas, humanas e biológicas) direcionadas para os estudantes do Ensino Médio. E também visa fomentar a organização de grupos intergeracionais envolvendo estudantes, representantes de instituições parceiras deste projeto e membros da comunidade escolar para realizar ações de intervenção de mitigação de risco de deslizamento de encosta (ComVidAção/NUDEC). Mais informações: https://www.facebook.com/Ci%C3%AAncia-Cidad%C3%A3-na-Escola-100567134964500

Em todos os projetos pretendem-se disseminar o conhecimento adquirido por meio de publicações.

Informações gerais pelo email: educacao@cemaden.gov.br